7 de jun de 2008

Para se viver um grande amor


Para se viver um grande amor não basta apenas amar, tem que ter paciência(de Jó), um estômago de avestruz(pra engolir sapos), uma sabedoria(Budista), ouvidos(de penico, porque com certeza vamos ouvir muita M...), humor, noção de espaço, silêncio(sim!)e umas coisinhas que quando eu era criança chamava de "semâncol e desconfiômetro".
Porque o amor é frágil, fácil de ser corrompido, fácil de se esquecer...
Há de se ter também, sintonia.
Olhar para o outro, não como parte de nós, e sim como indíviduo, que sofre, que chora, que fica num mal humor danado, que tem dor de barriga, insônia, medos,que tem fome de madrugada, que não entende nada e que as vezes é até um "zé mané".
Amar o outro não é criar dele uma versão do que somos, é amar os defeitos e as qualidades, porque o outro é o complemento do que queremos ter.
Para se viver um grande amor temos que abrir as janelas alma, ligar a antena do coração e esquecer um pouco da razão.
Hoje ele está de muito mal humor e rabugento.
Sejamos fortes!
Amo. Amo. Amo.

9 comentários:

Pitanga Doce disse...

Sempre achei que amor devia vir com manual. Mas o mesmo manual não serve para homens e mulheres. Eles não têm TPM, nós não queremos quebrar a Tv quando o time perde. Vai daí quê...

beijinhos, Sonia

Marsyah disse...

Ótimo!!

"Zé Mané", amei!

Querida, conquistei uma "paciência de Jó", o cara é chato pra c..., mas fazê o quê, né? E ele que eu amo e além do mais, ele é tãaaao lindo... rsrs

Eu o chamo de "meu ranzinza preferido". hehehe

Bjux querida!
Amei o "texto verdade".

Beautiful Stranger disse...

viver um grande amor, sempre um dilema, nunca sabemos como agir, o que dizer, estou vivendo um novo amor, tentando errar menos e ceder mais...

;)
http://strangerbeautiful.blogspot.com/

SGi/Sonia disse...

Pitanga, amor e filhos deveriam ter manual. Mas nem quero tentar entender muito, pra não perder o mistério(hehehe)

Marcinha, e é assim mesmo quando a gente ama... Eles acabam sendo exatamente o nosso número né? Sabe que sua história é muito parecida com a minha???

Beautiful, seja muito bem vindo!

Beijins

Nina disse...

amar amar amar, é isso mesmo. com todas as dificuldades que encontramos pelo caminho, amar ainda é melhor a se fazer.
bjs soninha

Marsyah disse...

Sônia,

Parecida como????

Vamos aprofundar mais neste assunto, trocar experiências...rsrs

Desculpa, é que fiquei curiosíssima.

Bjux querida!

Marsyah disse...

Puxa vida, Sônia...

As histórias são muito, muito parecidas...

Me deu uma vontade de chorar, lendo a sua história ao mesmo tempo em que me lembrava da minha.

Nós somos duas garotas de sorte, até na separação nós saimos lucrando... hehehe A separação só fortaleceu o amor.

Graças a Deus, agora tá tudo certo. Doeu demais e sofri demais todo esse tempo, foi quase dor física, sabe? Mas, agora chega. Já acabou.

Ganho uma declaração de amor todos os dias... Ele é fofo! Amo demais!
Tô no paraíso...

Você esteja no paraíso também, né?
Bjux querida!

carlinha disse...

Ah! O amor...Mesmo com todas essas coisas confesso que não sei viver sem o meu amor, ele é tão diferente de mim que vai ver é por isso que ele me completa, ele é bom onde sou ruim e ele é ruim onde sou boa, aí encaixa direitinho...rs!
bjux

Marsyah disse...

Ai, credo!!! Odeio qdo erro...

Láaaa em cima, não é "esteja" (essa de doer!) é "esta".

Droga!!!!