30 de out de 2008

Os vira-latas da minha vida

Ano passado em maio, o Caio tinha um peixinho que morreu, ele ficou muito triste com o acontecido, vendo a tristeza dele o Davi prometou um cachorrinho, desde que fosse pequeno e tivesse pelos curtos poderia ser qualquer raça. Fazendo uma pesquisa na internet, fiquei de queixo caido com o valor dos cachorrinhos, na verdade eu queria um vira-latinha mesmo, um cachorrinho que estivesse precisando de um lar, nessa minha procura, encontrei a Pepita e o Amendoim, fiquei encantada com os dois, optamos pela Pepita porque na hora em que fomos buscar o cachorrinho, o Amendoim não parava de morder o Pedro. E foi assim que a Pepita por meio de adoção veio fazer parte da família. Ela é muito carinhosa, bagunceira, late pelos cotovelos e é de uma simpatia... Em agosto a Pepita num momento de loucura, pulou o muro da nossa casa(que não é baixo)para ir atrás de mim, resultado, foi atropelada, deixou todo mundo aqui em casa e na vizinhança preocupado, até pino a danada ganhou na perna, em dez dias, muitas cicatrizes e usando um cone para não arrancar os curativos, ela já estava feliz e saltitante novamente.
Hoje toda vez que alguém fala que vai comprar um cachorrinho, aconselho a ir a um Centro de Adoção de Animais, tem de tudo, cachorros de raça abandonados, gatos, coelhos, porquinhos da India, uma enormidade de animais que a gente nem acredita.Esse aqui é o Free Way, cachorro que foi achado na rua pela prima do Davi a Lia, filhote ainda, cheio de mals tratos. Hoje ele é um lindo cão de guarda lá na casa da sogrita. Ele só não gosta dos meninos, mas tem loucura por mim.Esse aqui é o Thor, cachorro do Arthur pai da Amanda, é um cachorro muito dócil apesar dessa cara de bravo, o Thiago dia desses resolveu que o Thor era um cavalo...
O Arthur pagou uma taxa simbólica pelo cachorro que é uma mistura de pit-bull com fila brasileiro.
Deixo aqui o meu apelo, antes de comprar um animal procure um lar de adoções, você encontrará o seu futuro amigo, sem pagar horrores por ele.

28 de out de 2008

piadinhas...

Recebi esse e-mail do engraçadinho do meu cunhado(marido da Fabi), tirando o preconceito com as loiras o negócio é até engraçado.
DICIONÁRIO ELABORADO PELA ACADEMIA BRASILEIRA DAS LOIRAS

ABREVIATURA - ato de se abrir um carro de policia;

ALOPATIA - dar um telefonema para a tia;

BARBICHA - boteco para Gays;

CÁLICE - ordem para ficar calado;

CAMINHÃO - estrada muito grande;

CATÁLOGO - ato de se apanhar coisas rapidamente;

DESTILADO - aquilo que não está do lado de lá;

DETERGENTE - ato de prender indivíduos suspeitos;

DETERMINA - prender uma garota;

ESFERA - animal feroz amansado;

LEILÃO - Leila com mais de 2 metros de altura;

KARMA - expressão mineira para evitar o pânico;

LOCADORA - uma mulher maluca de nome Dora;

NOVAMENTE - diz-se de indivíduos que renovam sua maneira de pensar;

QUARTZO - partze ou aposentzo de um apartamentzo;

RAZÃO - lago muito extenso porém pouco profundo;

RODAPÉ - aquele que tinha carro mas agora roda a pé;

SAARA - muulher do Jaaco;

SIMPATIA - concordando com a irmã da mãe;

SOSSEGA - mulher desprovida de visão;

TALENTO - característica de alguma coisa devagar;

TÍPICA - o que o mosquito nos faz;

UNÇÃO - erro de concordância muito frequente (o correto seria um é);

VATAPÁ - ordem dada por prefeito de cidade esburacada;

VIDENTE - dentista falando sobre seu trabalho;

VIÚVA - ato de ver uva;

VOLÁTIL - sobrinho avisando onde vai.

E para finalizar...com chave de ouro

LOIRA MANOBRISTA

A Loira arrumou um emprego de manobrista num restaurante.
Logo, chega o primeiro cliente para retirar o carro, que diz :
- O Celta preto.
- Tá sim... e acho que vai chover.

27 de out de 2008

Chá de Bebê da Fabi e artes da Ana

Sempre dou um jeito de falar da minha cunhada linda-loura-artista por aqui, mas nunca coloquei uma foto sequer dela ou da arte dela, lá no dos meninos eu já havia colocado a foto do Leo que na minha opinião fica empatado com o Thiago na "Categoria Grandes Obras Realizadas-só para mães".
Aqui vai uma foto da artista com uma de suas grandes "artes" ou seria melhor dizer ARTEIRO(?) no colo, como toda mulher vaidosa, ela pode até encrencar comigo, porque vai dizer que está descabelada, suada e etc... Mas Ana, já era final de festa né?
Essa aqui é do tabalho lindo que ela fez, as lembrancinhas do Chá de Bebê da Fabi, esse aqui é um mimo e ela envia pro Brasil inteiro.E aqui sou eu e a Fabi, tirando a única foto juntas na (bem no final)festa:)
A festa estava muito boa e animada, tinha muita música dos anos 80, dancei até cansar, dança das cadeiras com a criançada, bom papo, boa comida.
E a Fabi lindona, só esperando dezembro chegar pro João Victor dar o ar de sua graça.

26 de out de 2008

Vestido com calça?


Desde que a Alanis Morissette veio ao Brasil na década de 90, durante as inúmeras entrevistas que ela deu por aqui, o que mais me chamava a atenção, além é claro da voz dela, era a maneira simples que ela se vestia.
A combinação calça e vestido foi a que mais gostei, porque na mesma década as calças sairam da cintura e foram parar um palmo a baixo do umbigo, era rarissimo achar calça com a cintura no lugar, então logo de cara achei uma solução pro cofrinho que cismava em aparecer.
Sempre que vejo alguém pela blogsfera usando a combinação, dou minha opinião favorável, se o vestido não for muito comprido fica muito charmoso.
Hoje eu queria por esse vestido a todo custo, mas não queria usar sem nada por baixo, porque toda hora tenho que me abaixar pra falar com o Pedro,para mim usá-lo com jeans foi a solução.

23 de out de 2008

CADERNO DE CONFIDÊNCIAS

Esse aqui foi a CAROL que me mandou, adorei responder e ver as resposta dela, é muito simples e foi bem rápido de fazer.Nome?
Sonia
Idade?
35
Local de Nascimento?
Curitiba PR
Peso?
55 ou 54kg
Altura?
1,67
Apelido de infância?
Gi
Qual é a sua maior qualidade?
Ser uma boa amiga.
E seu maior defeito?
Sou exigente demais comigo e com aqueles que amo
Qual é a característica mais importante em um homem?
Me amar!(hehehe, essa no maridones)e fidelidade em todos
E em uma mulher?
Fidelidade
Qual é a sua idéia de felicidade?
Ver os meninos me darem netos(na idade certa e no momento certo).
E o que seria a maior das tragédias?
Não ver os meus netos
Quem você gostaria de ser se não fosse você mesma?
Sempre quis ser a Samantha daquela série A Feiticeira, eu com aquele nariz conquistaria o mundo hahahahah
E onde gostaria de viver?
Numa casa bacaninha, onde sempre tivesse um quarto arrumado pra receber aqueles que amo(e não moram lá em casa), que tivesse mar e mato.
Qual é sua cor favorita?
O Arco-íris(plagiando o Pedro)
E o seu desenho animado?
De hoje em dia, gosto demais do Charlie e Lola do passado até Thunder Cats eu encarava
Quais são os seus escritores preferidos?
Machado de Assis disparado!
E seus cantores e / ou grupos musicais?
Viiiiixe muitos cantores, muitas bandas, sou eclética demais, só sei que não gosto de jeito algum é do Calypsos e suas derivações...
O que te faz feliz instantaneamente?
Casa auto limpante ou cheirinho de café passado antes de levantar da cama.
Quais dons você gostaria de possuir?
Sendo bem pé no chão o da música.
Tem medo da morte?
Não, tenho medo de deixar meus filhos
Quem é seu personagem de ficção favorito?
Mulher Maravilha (cintura 60cm) hahahaha
Qual defeito é mais fácil de perdoar?
Os que meus amigos têm
Qual é o lema de sua vida?
Eu posso e consigo!
Qual sua maior extravagância?
Paris
Qual sua viagem preferida?
Praia com a familia(maridones e filhos, irmãos/cunhada(o) e sobrinhos)
Se pudesse salvar apenas um objeto de um incêndio, qual seria?
álbuns de fotos
Qual é o maior amor de sua vida?
Meus filhos/família
Onde e quando foi mais feliz?
Aqui e agora, depois que EU ACHEI O MEU PÁSSARO AZUL todo dia
Qual é sua ocupação favorita?
Passear com a família
Pensa em ter filhos?
Tenho dois...
Quantos?
...e se tivesse grana quem sabe eu teria mais 3.
Um animal de estimação?
Cachorro, a Pepita
Uma atividade física?
Caminhar.
Um esporte?
Sei lá, acabo sempre assistindo um futebolzinho com o maridones...
Um prato que sabe fazer!
Sei cozinhar quase tudo, só não gosto.
Uma comida que adora?
Comida dos outros...
Uma invenção tecnológica sem a qual não vive?
Internet
Gasta mais dinheiro com?
Filhos.
Uma inabilidade?
Dirigir bem, até porque eu nem gosto, o resto eu engano bem.
O que não faria em nome da vaidade?
Não sei, muita coisa com certeza eu não faria, mas algumas coisas eu faria...
Uma mania?
Falar sozinha, cantar sozinha e dançar sozinha!
Uma saudade?
De não ter horários, ou ter e não ser presa a eles.
O primeiro beijo?
Com um amigo da escola na sétima série combinadissímo entre a gente, não virou namoro e amizade continuou em 96 ele casou e eu fui!
A regra manda repassar pra doze pessoas, mas como ultimamente tenho andado fora da linha, não vou indicar ninguém em especial mas ficaria muito feliz em ver o que as meninas do Clubinho e Amigo Secreto responderiam. Fica livre pra quem quizer fazer!Mas me chama pra ver ok?

22 de out de 2008

Você já encontrou seu pássaro azul?

Hoje, durante um dos afazeres domésticos que mais abomino(passar roupa), que tive que fazer agora pela manhã, porque não consigo passar roupas escuras no período da noite(meu favorito pra fazer o que menos gosto), liguei a televisão e estava passando O Pássaro Azul(The Blue Bird), Me distrai e fui vencendo o meu Monte Everest de camisas, calças e camisetas...
Mas o assunto não é meu tedioso e atarefado mundo de dona de casa(ooops as vezes é bem animadinho, só ando é meio indignada!) e sim essa pergunta que não quer calar.
VOCÊ JÁ ENCONTROU SEU PÁSSARO AZUL?
O filme conta a história(meu ponto de vista) de dois imãos, Mytyl(Shirley Temple em sua primeira atuação!) e Tyltyl que saem atrás do Pássaro Azul da Felicidade. O filme é cheio de metáforas e lições de moral, mas é indiscutivelmente lindo.
Eu ainda não sei se já encontrei o meu, ou se vou ter que sair numa aventura solitária de mundos doidos onde minha Pepita vai falar comigo...
Será que seria realmente necessário desbravar novas terras pra voltar pra casa e ver o que realmente vale a pena?
Ou será que aquela história do "eu era feliz e não sabia" é real?
Será que eu que achei que sempre soube dar valor ao meu AGORA me enganei a vida toda?
Ou será que só estou sofrendo de uma crise louca e imprópria pré qualquer coisa?
Só sei que quero a certeza que sempre tive. Tô de saco cheio de não saber!
(Para a Nina que disse que sempre se emociona nessa parte)

20 de out de 2008

CONCLUSÃO DA SEMANA

Tô precisando de um tempo só pra mim.
Pra escutar melhor minha idéias. Queria ter uma mini-férias, mas só o fato de pensar a respeito, de ficar longe dos meus meninos por mais de 24 horas me aperta o coração.
Mas tô precisando de um tempo só pra mim...

17 de out de 2008

Eu e ela, ela e eu!


Gente minha irmãzinha, aquela que é a minha melhor amiga nessa vida, me escreveu um e-mail lindinho que me pôs a chorar até agora, e que com certeza vai fazer eu chegar atrasada na escola dos meninos, e o título era assim:
COMO NÃO TENHO BLOG, VAI POR E-MAIL‏
Quando eu era menina moça, amava uma calça que ela tinha e as vezes eu usava escondida, claro que não ficava tão linda como ficava nela, mas quando eu me olhava tinha certeza que era a bunda dela que eu via. Isso nos rendia ótimas brigas hehehe. Vou colocar o e-mail aqui e depois conto pra ela...

"OI, SOU EU FABI, IRMÃ DA SONIA, OU MELHOR, (E MELHOR DE TODO MUNDO!) SOU IRMÃ DA “GI”.

Faz algum tempo que leio o blog da minha irmã, acho lindo, comovente e muito verdadeiro, tudo que ela fala é ela mesmo, sem falsidades e sem invencionices.
Essa é a Gi, pura e verdadeira!
Sei bem porque quase tudo que ela fala eu vivi com ela, ou pelo menos eu assisti de camarote na primeira fila.
Eu não tenho blog, admiro quem tem, mas no momento tenho guardado meus pensamentos só pra mim.
Tenho me dedicado a ser mãe da Julia (ela tem 12 anos e quase minha altura) que é um amor, e uma grande surpresa na minha vida. Costumo dizer que ela não é minha amiga, mas sim minha filha, e é assim que prefiro trata-la, porque amizades se afastam, se acabam, se desmancham, mãe não! É pra toda vida. Nós somos grandes companheiras, viajando nessa experiência maluca de ser mãe e filha, talvez em algum tempo nós já tenhamos sido filha e mãe (trocado os papeis), talvez por isso mesmo seja tão especial e tão fácil conviver com a minha pequininha.
Também tenho estado ocupada (ocupadíssima por sinal) em ser mãe do João Víctor que ainda se desenvolve e cresce dentro de mim (hoje estou na “quase” 27ª semana de gestação), tenho uma paixão inexplicável por este garotinho que ainda nem conheço, mas há tempos que penso nele como “meu pretinho” (sei lá por quê???).
Já fui mais paciente, também já fui mais nervosa, ansiosa e depressiva. Hoje vivo na calmaria dos quase 38 anos, pouca coisa me assusta, embora tenha o pensamento constante de que nada é para sempre (amor, filhos, família, dinheiro, saúde...) acho que por isso mesmo, vivo tranqüila, aproveito cada dia, porque sem dúvida nenhuma ele é único, amanhã tudo será diferente.
Cada vez que estou “com o sangue fervendo”, e é bem essa a descrição para o que sinto, e isso acontece assim sem mais nem menos, sem data marcada ou motivo, lembro do Renato Russo:

“É preciso amar as pessoas como se
Não houvesse amanhã...”

Quando penso nesse verso, imagino minha vida sem as pessoas que amo, sem aquelas com a qual convivo sempre, me dói tanto que o sangue pára de ferver, é um remédio amargo e instantâneo, de repente a bagunça na casa, as picuinhas, e as besteiras que se formam na nossa cabeça (não sei de onde a gente arranja tanta imaginação, tem coisa que nem aconteceu e só de pensar que elas poderiam acontecer já irritam a gente) tudo isso perde sentido, talvez seja isso que as pessoas gostam de chamar de maturidade, quando coisinhas pequenas deixam de fazer sentido e tudo que é importante ocupa o lugar mais nobre dentro da gente.
No casamento já tive mais baixos que alto, eu e meu marido, João, concordamos que se parar bem pra pensar dá empate, em 14 anos dá pra tirar 7 de calmaria, com bons momentos de paixão e companheirismo, em compensação os outros 7 não foram fáceis não!!! E olha que sempre fui pé no chão, nunca achei que casamento era um mar de rosas, tampouco quis mudar meu marido, claro que muitas vezes quis que as coisas fossem diferentes, muitas vezes senti falta do romance, em outras reclamei que era sexo demais (vou escrever isso porque toda mulher pensa assim, é a reclamação nº. 1 da maioria das casadas).
Hoje sou feliz como vivo, até acho meu casamento bem bacana, na verdade acho-o tão normal quanto qualquer outro. O João também mudou muito, acho ainda que falte um pouquinho mais de calmaria na vida dele, pois ele vive preocupado com finanças, vive com a cabeça a mil por hora, ainda tem aquele defeitinho básico de quase não escutar o que eu falo (na verdade nem sempre quero falar o que eu to pensando, porque às vezes tenho a sensação que estou jogando um balde de água fria nos planos dele, mas eu levo a sério meu lado companheira, acho sim que tenho que fazer ele parar pra pensar antes de se meter numa fria).
Tenho que confessar que ele é o grande amor (mas amor mesmo, amor à primeira vista) da minha vida, sempre será, mesmo quando ele não quiser mais isso, porque ao mesmo tempo em que amo minha razão toma conta de mim, não deixa que isso se torne o centro da minha existência, meu lema é “que seja eterno enquanto dure”, então que seja assim, me entrego ao amor, sou extremamente fiel, sou companheira e muito compreensiva, mas se tiver que acabar um dia, então que seja (porque nada dura pra sempre, lembra? Escrevi lá no começo), vai doer, vou chorar, quem sabe me arrepender, mas sei que acima de tudo vou sobreviver!!
To escrevendo tudo isso porque sei que minha irmã fala de mim, fico pra lá de impressionada e comovida, mas queria mostrar pra todas suas amigas que sou tão normal quanto qualquer uma, que tenho dias felizes e outros nem tanto.
Queria também dizer que conheço a história de algumas, que torço muito por vocês e que vocês fazem parte da minha vida, e tudo isso através da minha irmã.
Deus me deu o privilégio de ter a Sonia – GI como irmã e que embora hoje nós sejamos muito parecidas, um dia fomos muito diferentes, brigamos bastante, dividimos sempre o mesmo quarto, emprestávamos roupas uma da outra, trocávamos confidências.
Não dá pra dizer que tudo que foi importante passamos juntos, mas com certeza a gente tava bem próxima uma da outra, mesmo que fosse em pensamento.
Amo minha irmã, e só de pensar nela meu coração bate mais forte, sei que nunca vou estar sozinha, porque tenho a Gi sempre por perto.

Beijos, Fabi."

15 de out de 2008

Meus Favoritos 2 - que não me atirem a primeira pedra...

(Essa lista é um pouquinho mais complexa e polêmica, porque gosto não se discute.)
Já houve ligações de advogados, os caras querem me processar, querem tirar tudo o que tenho(adquirido em suaves prestações nas Casas Bahia)...
Mas eu sou uma lutadora e aqui vai a listinha dos meus piores favoritos, presta atenção, são aqueles caras que são tão ruim, mas tão ruim que arrancam risadas e a gente entoa junto a canção, não aqueles que nos fazem mudar de estação:
Xuxa Meneghel: de cantora ela não tem nada, na década de 80 ela fazia muito sucesso, e eu acredito que o sucesso dela dura até hoje graças as suas roupas, carisma, penteados e coreografias. Tinha também os desenhos(Smurfs e He-Man, meus favoritos!). Como cantora ela era quase igual uma gralha assustada, mas os hits, ah os hits, até hoje fazem muitas marmanjas(ô eu aqui!) soltarem a franga. Sei todas as músicas. Na minha opinião ela é a Rainha!(sem desdém nenhum viu?)
Latino: Festa no Apê????? Quequiéisso minha gente? Mas antes dessa ele tinha uma canção pra lá de chicletes não sei o nome mas tenta lembrar e vê só se não gruda?
"Ô beibi me leeeeéva, me leva que o futuro nos espeeeéra..."
Claudinho e Buchecha: Nem sei direito por onde começar, um tinha a língua presa(e acho que já se foi) o outro toda vez que aparecia num programa de TV e recebia um close dava aquela apertadinha charmosa nos olhos. Não sei como era ao vivo, só vi os caras cantando em playback. "Quero te amar tchuruuuuuuuuruuuuuuuu!"
Pepê e Neném: Afinadissímas e tinha um quê de cantoras americanas da nova geração, adoravam fazer aquele anasalado, eram engraçadas, cantavam musiquinhas chicletes e super bonder.
"...Por que você não vem ficar comiguuuuuuuuuuuuuuuú!"
Wando: Gente o cara é maaassa. Amo muito! Só falta eu ter um postêr do cara no quarto, mas daí ia dar divórcio...
Presta atenção nisso: "Mooooça sei que já não ÉS pura..." outra "Meu iaia meu ioio", essa última, tiro as partes de sacanagem, porque o cara acha que tá todo mundo se esfregando, e canto com o Caio. Gosto, gosto e pronto.
Gilliard: Eu já achava o cara breguinha na década de 80, achava a voz dele fraquinha e sem muita vibração, mas A-DO-RO, sei todos os sucessoS, quem não se torceu e retorceu com a pulga e o percevejo? Quem não olhou pro céu e apontou, como ele fazia naqueles clips do Fantástico nessa daqui: "Aquela nuvem que passa lá em cima sou EU!"
Marquinhos Moura: Gente o cara me fazia ir as lágrimas, quanto sofrimento numa só voz, até hoje gosto do cara, aí de quem falar mal dele!
"Meu mel porque eu preciso de você!!!"

P.S.: Acho que o Marquinhos Moura sumiu ou foi abdusido, não tem foto nenhuma do cara na Net.
P.S.1: Queria uma foto do Latino com aquele bigodin que ele usava no começo da carreira, mas não encontrei nenhuma...
P.S.2: I LOVE YOU!

14 de out de 2008

Copia/cola

Na falta do que falar e do tempo corridissímo.
Meu domingo foi assim!

11 de out de 2008

CONSTATAÇÃO DA SEMANA:

eu acho que isso de poder ser muitas e fazer muitas coisas é algo estritamente da mulher, já viu um homem cozinhando, lavando a louça, colocando a mesa, atendendo ao telefone e lendo o jornal de ofertas? E fazendo tudo direitinho, sem queimar a comida, sem bater louças enquanto lava, sem colocar os talheres trocados, atendendo o telefone na maior educação e marcando o que precisa em casa...
Se viu, olha de novo que deve ser trans... heheheheh

Somewhere in Time


Revi ontem e me deixou bem nostálgica(se é possível eu ficar mais...).

P.S.:Foi nesse filme, que eu vi pela primeira vez em 1985 num Supercine, que eu quis casar com o Christopher Reeve.
Foi com esse filme que eu me acabei de chorar pela primeira vez.
Foi com a música desse filme que eu sonhei com o meu primeiro beijo de verdade.
Foi também com esse filme que surgiu mais uma das mil manias de Sonia, nunca deixar moedinhas no bolso, seja de calças, jaquetas ou camisas(vai que eu preciso voltar no tempo?).

7 de out de 2008

Um dia passa...

Ainda estou bem gripada e com sinusite.
Estou de saco cheio de estar nessa situação.
Se tem algo que me deixa doente e estar doente.
Essa sensação de peso, nariz doendo, cabeça latejando, olhos lacrimejando...
Só tem uma coisa que me acalma.
Ainda bem que sou eu quem está assim, porque se fosse um dos meninos estaria pior.

*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-

Ainda não fui ao correio colocar as 3 cartinhas prontas que tenho aqui em casa, mas no final da tarde eu vou, senão chover, porque pela manhã tava um solzinho simpático e agora o dia já está ficando cinza de novo.

*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-

Domingo foi dia de votação.
Falando bem sério, você votaria em um candidato com esse nome?
Somente os vereadores eleitos, tem pessoas com nome mais bizarros, como é o caso de Bin Laden acho que no Brasil inteiro teve pelo menos um em cada cidade...

Serginho do Posto - 12.661 votos (mas me diga, qual posto? combustível ou saúde?)
Cantora Mara Lima - 12.627 votos (ouvi dizer que é uma cantora evangélica e que ficou proibida de cantar durante o período eleitoral)
Professor Galdino - 11.736 votos (esse eu tive a honra de ver pessoalmente, ele sozinho fez a campanha todinha, gastou num total quase 500 paus, e quer saber? quando eu vi fiquei com dó dele cantando na rua seu jingle de campanha)
Dona Lourdes - 9.302 votos (para mim, poderia ser até minha vizinha, o que será que Dona Lourdes faz? benzedeira? Não sei...)
João do Suco - 6.640 votos (esse eu fui até fazer pesquisa. Suco de que? Pois é, não descobri, mas sei que ele colocou esse nome porque é o nome da lanchonete dele. Original????)
Aladim - 6.315 votos (esse cara aqui é das antigas, foi jogador de futebol, jogou no Coritiba - coxa - e é dono de uma padaria no Bacacheri, acreditem, esse é o nome de batismo do cara, quer dizer senhor!)
Odilon Volkmann Homem do Povo - 5.387 votos (precisava desse "homem do povo"??? Acho que não hein...)
Julião da Caveira - 4.041 votos (torcedor Fanático do Atlético Paranaense, o cara segura a caveira - símbolo da torcida organizada - usa a camiseta do time, um milhão de tatuagens e havaianas, disse que vai usar terno na câmara...)
Professora Josete - 3.884 votos (não sei qual a matéria dela, nem qual foi a campanha, mas ela se elegeu.)
Noemia Rocha da Assembléia - 3.810 votos (outro nome ambíguo. Assembléia de Deus ou de deputados?? Alguém sabe???)

5 de out de 2008

Frase do Ano!

Se não puder ajudar, atrapalhe.
O importante é participar!

autor: desconhecido

4 de out de 2008

Carlinha em Curitiba!

Carlinha empacotada pra driblar a chuva que teimava em cair...Nós duas com os meninos, eu fiquei meio torta, mas não tô nem aí, vocês deviam ver a minha alegria de conhecer e abracar a Carlinha pessoalmente

Foi muito bom conhecer a Carlinha, vocês nem imaginam, linda, alegre, espontânea, minha amiguinha de infância. Pena que foram poucos minutos, ela extremamente atarefada e eu ruinzinha da gripe e Curitiba num complô cósmico, chovendo horrores...
Cheguei em casa pilhadíssima, brava com essa gripe que não me deixa... Porque se eu estivesse bem, ficaria lá no motodrómo até a hora da Carlinha voltar pra São Paulo.

3 de out de 2008

ATCHIIIIIIIIIIIM! E SELOS!

A sinusite nem quis saber de mim.
Mas a gripe... ah essa se apaixonou por mim, tá tão forte, tão bonita...
Vocês deviam ver, é um tal de cof cof, atchin e snif pra todo lado.
Tô bonitona...
E pra me chatear não consigo falar com a Carlinha que está na minha linda cidade, e deve estar me "excomungando"(hehehe), falei que tava um frio de lascar e desde ontem tá um calorzinho agradável, acho que vem chuva...
Mas se não conseguir falar com ela vou atrás dela mesmo assim!

*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-

Ganhei mais alguns selinhos, têm semanas que são assim né? A gente fica carentezinha e ganha um monte de mimos...
Olha que posso ficar insuportável viu?
Mimos vindo diretamente do No Mundo da Lua da Carol. Como todas sabem estou com uma gripe muito legal, a gripe vai bem, crescendo ocupando os espaços e me deixando zonzinha(se é possível), então, como só freqüento blog massa, ofereço a todas lindas meninas, devem ter apenas dois ou três gajos na minha lista e vai pra eles também, que passeiam por aqui e se encaixam direitinho com o selinho!
Esse aqui agora, é minha menina dos olhos, veja só que coisa fofa:
BLOGS ONDE NÃO SE MALTRATAM CÃES E NEM GATOS

1 de out de 2008

Correios, gripe e sinusite e selinho!

Tô muito brava!
Hoje faz duas semanas que coloquei nove cartinhas no correio.
Nove, e até agora ninguém recebeu...
Tô muito brava.
Moral dessa história, tô com 3 cartinhas prontas aqui e não vou colocar no Correio aqui de perto de casa. Vou colocar no Correio Central que fica bem no centro da cidade...
Será que os caras perderam minhas cartinhas?
*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-
Hoje acordei bem gripada e com um pouco de sinusite, tô cansada e minha cidade resolveu não fazer sol, tá chovendo desde as 7:30 de manhã. Ai que tristeza!
*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-
Mas com tristeza de Sonia tem prazo de validade...
Olha que chic esse selinho que a dona Tânia me deu, tô tão prosa...
Esse selo também tem suas regrinhas:
1) Eleger 5 blogs merecedores deste prêmio por sua criatividade, desenho, material interessante e que contribua à comunidade blogueira, sem importar seu idioma.
2) Cada indicação de prêmio deve apresentar autoria e link de cada blog, para que todos o visitem.
3) Cada premiado deve exibir o prêmio e colocar o nome e link do blog de quem o premiou.
4) Premiado e premiador devem exibir o link Arte y Pico, para que todos saibam a origem deste prêmio.
5) Exibir estas regras.
Minha indicadas são:
Carlinha no Devaneios e Neuroses;
Marcia no Dia a Dia;
Sabrina no Sabrina Jung;
Biana no Sem Mais e
Amanda no Amanda's Word