22 de out de 2008

Você já encontrou seu pássaro azul?

Hoje, durante um dos afazeres domésticos que mais abomino(passar roupa), que tive que fazer agora pela manhã, porque não consigo passar roupas escuras no período da noite(meu favorito pra fazer o que menos gosto), liguei a televisão e estava passando O Pássaro Azul(The Blue Bird), Me distrai e fui vencendo o meu Monte Everest de camisas, calças e camisetas...
Mas o assunto não é meu tedioso e atarefado mundo de dona de casa(ooops as vezes é bem animadinho, só ando é meio indignada!) e sim essa pergunta que não quer calar.
VOCÊ JÁ ENCONTROU SEU PÁSSARO AZUL?
O filme conta a história(meu ponto de vista) de dois imãos, Mytyl(Shirley Temple em sua primeira atuação!) e Tyltyl que saem atrás do Pássaro Azul da Felicidade. O filme é cheio de metáforas e lições de moral, mas é indiscutivelmente lindo.
Eu ainda não sei se já encontrei o meu, ou se vou ter que sair numa aventura solitária de mundos doidos onde minha Pepita vai falar comigo...
Será que seria realmente necessário desbravar novas terras pra voltar pra casa e ver o que realmente vale a pena?
Ou será que aquela história do "eu era feliz e não sabia" é real?
Será que eu que achei que sempre soube dar valor ao meu AGORA me enganei a vida toda?
Ou será que só estou sofrendo de uma crise louca e imprópria pré qualquer coisa?
Só sei que quero a certeza que sempre tive. Tô de saco cheio de não saber!
(Para a Nina que disse que sempre se emociona nessa parte)

12 comentários:

Carlinha disse...

Eu nunca assisti a esse filme, mas pelo que você disse deve ser muito bonito, hein?
OLha, eu sei muito bem o que me traz a felicidade, só que às vezes ela faz questão de fugir. Já percebi que não preciso de muito pra ser feliz, viu! Sei que para estar em paz e feliz preciso das pessoas que eu amo, da natureza, dos meus cachorros, de uma rede e se possível da minha ex casa da praia que ficava em frente ao mar e era a coisa mais deliciosa do mundo,mas essa felicidade eu já perdi, agora tennho que conquistar outras coisas! Também viver sem pessoas ruins perto de mim seria ótimo,mas eu consigo!
Enfim, isso é felicidade!
Falei pra caramba, hein!
bjos

SGi/Sonia disse...

CARLINHA: falou lindo!

Amanda Marina ♥ disse...

Ihh...ainda sou nova...acho que não encontrei meu passaro azul!
Mas vou encontrar!!

Acho que a ultima opção é a mais certa: "Ou será que só estou sofrendo de uma crise louca e imprópria pré qualquer coisa?"

Beijos tia*
Saudades...

Tania Pimenta disse...

Menina, a última vez q vi este filme faz um tempão.... acho q foi na Sessão da Tarde, lá no século passado!!!! kkkk
O filme é bonito e qto ao Pássaro Azul, acho q cada um encontra o seu no seu próprio tempo/hora certa e talvez tenhamos mais de um durante a vida... somente pensamentos soltos de alguém q está de férias e adora a cor azul!!!! kkkkk
Por causa das férias tenho postado menos e comentado pouco pq só acesso em casa à noite e, como disse para a Nina, às vezes dá uma preguiça...
Mil beijins e q o Pássaro Azul te acompanhe sempre!!!

Carol disse...

tem um joguinho de perguntas pra ti lá no blog!
Bjos

Chris disse...

CARAAAAAACAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA

Como assim?!?! Amo esse filme!! Foi a primeira peca de teatro que atuei, a prepacao para peca foi um ano de pesquisa.... ano passado assisti as duas vesoes desse filme trocentas vezes, e ainda eu amo! Que bonito vc falar dele e dizer que ele e cheio de metafora, e e mesmo!! O Autor e Belga, Maurice MAeterlink, super simbolista...e usa muitos simbolos simples para falar de coisas profundas! Como a felicidade!! Vc ve a historia parece toda infantil, mas na verdade ele agrada adultos tbm. A peca que fiz era simbolista, mas nao tinha idade, poderia assistir tanto criancas como adultos!

Aiii vc deixa eu fazer um post amanha sobre a peca "O passaro azul" que fiz?! Deixa eu colar seu tema?!?!
Deixa, deixa, deixa??!?!?!
hehehehe

Adorei o post!!
SEmpre me arrepio!

"E preciso animar os olhinhos morticos para verem alem das aparecias, tudo o que nos cerca... como a alma do pao, a alma da agua e a alama do fooogoo!!!"

heheheh

Me empolguei!!

Bjuuuuuuuuuazuuuul!!

SGi/Sonia disse...

AMANDA: na sua idade eu já tinhas uma coleção de pássaros:)

TÂNIA: Eu imagino, férias é pra descansar mesmo, só que faz falta ver as amigas.

CAROL: Vou ver se faço ainda essa semana:)

CHRIS: São duas versões, a que eu vi é a de 1976, com participação de Elizabeth Taylor(mãe e luz) e Jane Fonda como a Noite...
Mas a versão de 1940 é mais perfeita no encontro dos avós e a visita ao irmãozinho...
Sou doidinha com esse filme também.
Imagina só se você tem que pedir alguma coisa?
Vai ser lindo ler realmente sobre a sua peça:D

Nina disse...

Eu acabei de ver a vovó e o vovô e chorei, claro, e depois vi a cena dos anjinhos antes de nascer é lindo, né? vi a minha parte preferida e a tua.

obrigada soninha!

esse filme me acompanhou por mts anos,eu e minhas irmas.

hj minha vó morreu, quer dizer, nesse dia, mas no ano de 1983. e eu lembrei dela, claro, é como se fosse no filme né? ela revive no coracão qd alguém lembra dela.

meu pássaro azul, eu já procurei mt por ele, sempre achei que estivesse longe, mas era dentro de mim que ele estava. mas até descobrir, eu sofri mt. já havia colocado a culpa de nao encontrá-lo em mts pessoas e situacões, mas o descobri finalmente.
e desde entao, ele é azul sempre, todos os dias.

te desejo o mesmo soninha!

Sabrina com um estilingue na mão... disse...

Chuchu!
Eu acho que encontrei foi uma galinha roxa, em vez de pássaro azul! hehehe....
Este filme é lindo, né? A história das pessoas que descem do barco para reencarnar, tudo é muito lindo, principalmente a mensagem que é dar valor ao que temos!
Faz muito tempo que vi, já esqueci de várias coisas, mas não da mensagem principal.
Bjão linda!!!

Pitanga Doce disse...

Sonia eu poderia escrever um compêndio sobre essa "crise louca e imprópria pré qualquer coisa". Não sei quantos vezes passei por isso ao longo da vida. Se eu te dissesse aqui tudo o que a minha experiência mostrou, ou ias ficar assustada ou nem ias entender. O melhor é vivenciá-las da melhor maneira possível e ir tirando pequenas certezas daqui e dali...quando der.

beijos e fica bem

SGi/Sonia disse...

NINA: essa nossa vida cheia de coincidências...
Esse filme é lindo Nina, amo toda a simbologia que ele tem, e você está certa o pássaro mora dentro da gente. Obrigada:D

SABRINA: galinha roxa? hahahah
Ainda bem que não foi preta...hahahaha

PITANGA: eu adoraria aprender mais com você, porque todo dia lá na sua árvore eu aprendo algo novo:)

Nine disse...

Oiizinhooo..rsrs è eu amo cantar rsrs..mas nada melhor que cantar debaixo do chuveiro rsrs

Olha li o sua postagem..
E acho que encontrei a cada dia encontro partes do meu passaro azul,por que é com o passar dos anos que eu vou montando ...e um dia se eu continuar lutando pelos meus objetivos ele vai se tornar completo.. beijinhos..=) Nine