20 de jun de 2008

produtos NADA notáveis

(a+b).(a+b) = a²+ab+ab+b² = a²+2ab+b²
(a-b).(a-b) = a²-ab-ab+b² = a²-2ab+b²
(a+b+c).(a+b+c)=a²+ab+ac+ab+b²+bc+ac+bc+c²
Somando os termos semelhantes: a²+b²+c²+2ab+2bc+2ac
Produtos Notáveis são aqueles produtos que são freqüentemente usados e para evitar a multiplicação de termo a termo, existem algumas fórmulas que convém serem memorizadas.
1) Soma pela diferença: quadrado do primeiro menos o quadrado do segundo.
( a + b ).( a – b ) = a² - b²
2) Quadrado da soma: quadrado do primeiro, mais duas vezes o primeiro pelo segundo, mais o quadrado do segundo.
( a + b )² = a² + 2ab +b²
3) Quadrado da diferença: quadrado do primeiro, menos duas vezes o primeiro pelo segundo, mais o quadrado do segundo.
( a – b )² = a² - 2ab + b²
Existem muitas outras outras fórmulas:
( a + b ) ³ = a³ + 3 a ²b + 3ab² + b³
(a – b )³ = a³ - 3 a²b + 3ab² - b³
ENTENDEU????

Esse foi o meu pesadelo durante dois anos na sétima série, isso mesmo dois anos!
Reprovei a sétima série por não entender de jeito nenhum o que parecia notável. O produto.
Que trabalho danado me deu entender isso, que raiva, quantas e quantas páginas de caderno pra exercitar o que não entendia.
E de quebra peguei o mesmo professor nas duas sétimas, para mim era o fim, porque não conseguia simpatizar com ele, me doía, me enraivecia vê-lo tratar da minha total falta de entendimento como ignorância, se fosse nos tempos de hoje eu até poderia tê-lo processado por me expor ao ridículo(hehehehe).
Na época eu pensava "que diabos farei com isso?", os mais caridosos falavam que quando eu fosse adulta entenderia e usaria.
Ótimo sou adulta entendo e não uso pra nada.
Quando vou ao mercado, na hora de pegar a maionese na prateleira não tem uma plaquinha me dizendo que tenho que saber se (a+b).(a+b)= a²+ab+ab+b²= a²+2ab+b², pra que eu dê o resultado em valor de reais pra poder levar a maionese certo?
Quando vou no Shopping o valor da promoção não vem assim: (a+b)² = a²+2ab+b
E no banco. Quando vou falar com um gerente a respeito de um investimento a curto prazo ele não pega um papel e lápis e tenta calcular pra mim usando o tal do produto pouco notável...
Por outro lado, acho uma injustiça danada ter aprendido juros, inflação, renda, capitalização e outras coisinhas muito pertinentes, mal e porcamente. Mal explicaram e nos livros que usei não se perdia nem um capítulo pra se falar nisso. E olha que quando eu cursei a quinta série inflação era algo que causava resseção, tinha falta de leite, feijão, carne e por ai vai. Era algo palpável. Já o tal do produto...
Outra coisa que não tive na escola foi LÓGICA, isso teria tornado minha vida muito mais simples e a matetica menos assustadora.
Ma nínguem perguntou pra mim no alto da minha sabedoria com 13 anos se tudo o que vi em matetica era importante pra mim, se o curso que eu sonhava fazer, se a profissão que eu iria escolher ou a vida que eu pretendia levar dependia de saber produtos notáveis ou equações biquadrada. Nínguem quis saber o que eu pensava.
Resultado:
Sou uma pessoa que ainda não fez as pazes com os números, sou uma revoltada com a matetica.
Mas, estou aos poucos tentando dar meus primeiros passos em direção a uma conciliação. Amigas não seremos de jeito nenhum, pensamos diferentes, mas tenho que aceitá-la porque meu filho é apaixonado por ela. Gosta e se diverte com ela, então tenho que aceitar que a primeira paixão dele, não é e nem será a linda menina de cabelos escuros e sim a mateMÁtica, com todos os seus produtos, logaritimos, equações, teoremas e gráficos.

7 comentários:

Marsyah disse...

Adorei!!

Tamb�m sou revoltada com tudo isso.
Nunca fui reprovada na escola, mas quantas e quantas recupera�es eu levei...

Detesto matem�tica, Marcus ama. Gra�as a Deus a Lara ta indo pro lado da leitura e gram�tica.Mas... ela vai ter que passar pela "bendita" matem�tica...

Concordo em tudo com vc, g�nero, n�mero e grau.

Bjux!

Carlinha disse...

Gente!Coitada!!!!Eu imagino o que vc passou. Eu tenho uma amiga muito íntima que até hoje sonha com nosso ex professor de matemática e ela diz que prefere ver o diabo do que o cidadão.
Acho que muito da matemática é inútil! Aff! Ainda bem que eu fiz humanas! Exatas jamais!
Ai que bom que vc ouviu minha voz, fico tâo feliz! Fico aindamais por estar mais perto de vc ultimamente! As meninas do blog são tão legais e fazem tanta diferença na minha vida! Obrigada mesmo!
Ah! Eu canto bem mesmo, modéstia a parte! Eu não sei se vc sabe,mas meu maior sonho é cantar por aí!Tomara que um dia eu consiga!
Nossa! Escrevi demais!
Beijooos

Beautiful Stranger disse...

nossa, também já tive pesadelos com matemática, é horrivel, mas por sorte nunca fui reprovado, a gente acaba gostando 'um pouco'...

;)
http://strangerbeautiful.blogspot.com/

Pitanga Doce disse...

Caramba! Quando entrei aqui pensei que tivesse voltado a todo aquele pesadelo! Eu já sonhava com letras e numerozinhos acavalados sobre elas , e para quê???
Não cheguei a repetir ano, mas em matemática passava sempre "à tangente".

beijos Sonia

Nina disse...

ahahaha Soninha, eu tbm tenho trauma disso. tudo culpa da minha professora da 3 serie que meteu medo em mim, ela era uma bruxa mt má.

mas fico feliz que seu filhao goste tanto, isso sim, é mt bom. Incentive-o sempre.

SGi/Sonia disse...

Pessoas Lindas,
atualmente estou comendo matemática com farinha, tudo por conta de um concurso que vou fazer, a matemática atual é minha colega, falta muito pra ser minha amiga, mas a matemática dos tempos de escola me causa calafrios(hehehehe)
Beijins a todos

Anônimo disse...

bom comeco